Tag Arquivos: Sarah Trading

  • -

Parceria sólida entre H Sarah Trading e o Município de Espinho

Tags : 

O protocolo entre a H Sarah Trading e o Município de Espinho  foi assinado no final do ano de 2015 e conta com 24 equipamentos no concelho. Esta parceria, que visa a recolha de roupa, calçado e brinquedos usados, engloba um forte apoio social, na medida em que o material recolhido se destina a instituições do município sempre que haja necessidade.

Os espinhenses podem encontrar os contentores da H Sarah Trading e depositar os artigos que já não utilizam nas seguintes freguesias:

  • Espinho:

– Rua 8 (Casino)

– Rua 20 (Ecopontos / Cemitério)

– Rua 30 (Cruz Vermelha)

– Rua 41 (Supermercado Novo Horizonte)

– Rua 20 (Centro Ótico)

– Rua 30 (Cruz Vermelha)

  • Anta e Guetim:

– Rua 17 (Ecopontos / Urb. Parque Luso)

– Bairro da Ponte da Anta (Ecopontos)

– Avenida 32 (Ecopontos)

– Rua 38 (ao lado dos contentores do lixo)

– Rua da Idanha (Igreja)

– Praceta Capitão Salgueiro Maia (Ecopontos / Urb. Capelinhas)

– Rua do Pinhal (Ecocentro)

– Rua 28 (Escola Manuel Laranjeira)

– Rua 34 (Escola Sá Couto)

– Rua Luís de Camões (Ecopontos / Cemitério de Guetim)

– Rua João Francisco Silva (Parque Infantil de Guetim)

  • Paramos:

– Rua Nova (Cemitério)

– Rua Padre Sá (Ecopontos)

– Travessa dos Loureiros (Centro Escolar de Paramos)

  • Silvalde:

– Avenida São João de Deus (Ecopontos)

– Rua das Fábricas (Ecocentro)

– Avenida Albergaria (Junta de Freguesia)

– Rua Alcino Caréu (Sede Leões Bairristas)


  • -

Gouveia celebra o Dia Eco-Escolas e o Dia Mundial do Ambiente

Tags : 

Na passada terça-feira, o Municipio de Gouveia celebrou o Dia Eco-Escolas e o Dia Mundial do Ambiente. Em colaboração com as instituições parceiras do programa Eco-Escolas (PSP, GNR, ICNF, CERVAS, Centro de Saúde de Gouveia, Junta de Freguesia de Gouveia, Junta de Freguesia de Vila Nova de Tazem, ENERAREA, Bombeiros Voluntários GouveiaBombeiros Vila Nova Tazem e Sarah Trading), as crianças das instituições de Ensino do Concelho de Gouveia participaram em várias atividades pedagógicas e ambientais, com ateliers e exposições dos trabalhos realizados pelo Programa Eco-Escolas. As instituições presentes foram a Escola Básica de Gouveia, Escola Básica de Vila Nova de Tazem, Fundação “A nossa casa” (Patronato), Jardim de Infância de Gouveia e a CasaPovo Vila Nova Tazem. Foi um dia muito bem passado, onde a sensibilização para a prática de melhores hábitos ambientais foi a chave principal, pois “De pequenino é que se torce o pepino”.


  • -

  • -

Portugal Economia Social

Tags : 

O evento Portugal Economia Social no Centro de Congressos de Lisboa foi uma experiência muito enriquecedora para a H Sarah trading. Para além de nos darmos a conhecer, tivemos a oportunidade de descobrir outros projetos fantásticos na área da Responsabilidade Social. Foram dois dias repletos de partilha de conhecimento que esperamos poder voltar a repetir.


  • -

Iniciativa Comunitária no Bairro do 2º Torrão

Tags : 

Registo da Iniciativa Comunitária no Bairro do 2º Torrão, organizada pelo Projeto CLDS 3G – SAI e Age e com o apoio da H Sarah Trading, no dia 19 de maio.

É sempre com muito gosto que participamos em iniciativas como esta.


  • -

1ª Bienal de Arte Sacra Contemporânea de Braga

Tags : 

A 1ª Bienal Internacional de Arte Sacra Contemporânea vai ter lugar em Braga, de 03 de agosto a 03 de setembro, e conta com o apoio da H Sarah Trading.
O evento, apresentado no dia 16 e desenvolvido pela nossa parceira Atlas Violeta Associação Cultural, conta com o apoio do Museu Pio XII e da Câmara Municipal de Braga. Para o presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, “o objetivo é que esta bienal seja uma referência crescente no futuro e que ganhe créditos a nível internacional para estimular e atrair cada vez mais artistas”.

     


  • -

TecMeetings – Economia Circular e Responsabilidade Social

Tags : 

Ontem à tarde estivemos presentes na Universidade Do Minho – Campus de Azurém, a convite da TecMinho, onde o tema abordado foi Economia Circular e Responsabilidade Social. Este debate contou com a participação do moderador Pedro Norton de Matos, mentor do GreenFest, e das empresas AGERE – Empresa de Águas, Efluentes e Resíduos de Braga, EM e WDMI – Distribuição de Material Informático. Reciclagem, reparação e reutilização de materiais, foram os principais tópicos que conduziram a agradável conversa.


  • -

Iniciativa Comunitária nas Terras do Lelo Martins

Tags : 

No dia 5 realizámos uma Iniciativa Comunitária nas Terras do Lelo Martins. Esta resultou numa ação de limpeza, embelezamento do bairro, sensibilização ambiental no âmbito da reciclagem e ainda desfrutámos de um almoço comunitário em boa companhia. Estiveram presentes cerca de 20 crianças, com as quais realizámos duas atividades muito divertidas: “A Roda da Sorte”, onde os meninos testaram os seus conhecimentos sobre reciclagem e “Juntos fazemos lacinhos”, onde reutilizámos pedaços de tecido e fizemos laços. Contámos também com a presença da Câmara Municipal de AlmadaSCMA – Santa Casa da Misericórdia de AlmadaSMAS de Almada e com a CLDS 3G – SAI e Age. Desta iniciativa, colocámos ainda 1 contentor, que vai ser personalizado com o logótipo da associação das Terras do Lelo Martins. Ao final da tarde, saímos de coração cheio por podermos contribuir e proporcionar um dia diferente aos moradores do bairro.


  • -

Fundação Padre Luís

Tags : 

A nossa parceria com a Fundação Padre Luis teve início em 2016, na recolha de excedentes têxteis. Foi com muita satisfação que no mês passado colocámos o nosso equipamento na Instituição, de forma a potenciar ainda mais as recolhas!


  • -

Amarante recolheu quase 40 toneladas de materiais têxteis

Tags : 

No âmbito do Protocolo de colaboração entre o Município de Amarante e a H Sarah Trading, empresa de recolha e encaminhamento de têxteis, foram reunidas quase 40 toneladas de material no decorrer do ano de 2017. Esta parceria, que teve início em junho de 2015, contempla 18 contentores no Município para a recolha de roupa, calçado e brinquedos.

Após a recolha, o primeiro passo é definir qual o material que pode ser reutilizado ou, caso não apresente condições, encaminhado para a reciclagem. Após esta seleção, o material que possa ser reutilizado é distribuído pelos serviços de Ação Social das entidades protocoladas, Municípios, IPSS´s e Associações de âmbito social, em função dos pedidos e do stock disponível. Aquele que não apresente condições de reutilização, segue então para a reciclagem, da qual resultam, entre outros, estofos para automóveis ou desperdícios de oficinas.

Assim, de acordo com a análise ao relatório efetuado aquando da parceria, resultaram 38,544 toneladas de material, das quais 27 foram reutilizadas, cerca de 8 toneladas seguiram para reciclagem e apenas uma pequena parte de material que não se encontrava em condições de reutilização foi para o aterro sanitário. Contas feitas, em 2017, o ambiente ficou a ganhar, conseguindo menos 96 toneladas de emissões de CO2.

Recorde-se que esta parceria é uma mais-valia, devido à forte componente ambiental e social que representa. Em troca da recolha de material, a empresa disponibiliza um apoio anual à autarquia, que é direcionado para projetos/iniciativas sociais destinados à população mais carenciada do concelho de Amarante. Este Protocolo é um importante contributo na luta contra os fenómenos de pobreza e exclusão social, focando a consciencialização cívica, social e ambiental do cidadão.